×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoComer e BeberModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetFotosViagensTecnologiaEmpresas e EntidadesBairrosCulturaVídeos

Bento-gonçalvense ergue pela primeira vez a taça de campeão brasileiro de bolão

Após três vices em sua carreira, Guilherme Brandelli conquistou o título da Taça Brasil de Clubes de Bolão com a equipe da Sociedade de Canto União de Estância Velha, garantindo vaga para o Mundial de 2020.

10/09/2019 08:33

Após bater na trave em três participações na principal competição de bolão do país, o bento-gonçalvense Guilherme Brandelli ergueu pela primeira vez o título de campeão da Taça Brasil de Clubes de Bolão. Com atuações de destaque, sobretudo na final, Brandelli conquistou o título integrando a equipe da Sociedade de Canto União de Estância Velha, em competição realizada em Timbó-SC. Com a conquista, o atleta de Bento Gonçalves e sua equipe garantiram vaga no Mundial de Bolão de 2020.

A Taça Brasil de Clubes reuniu os campeões e vice-campeões dos campeonatos estaduais do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro. A equipe do bento-gonçalvense se classificou à competição nacional após ter conquistado o Campeonato Gaúcho de Bolão em 2018. 

O bento-gonçalvense participa da Taça Brasil desde 2012, quando o atleta se transferiu do Clube 15 de Novembro para a Sociedade de Canto União de Estância Velha. Desde então Brandelli havia conquistado o vice-campeonato em três ocasiões, em 2013, 2015 e 2018.

Em 2019, com uma grande atuação de sua equipe, e com Brandelli sendo um dos protagonistas, sobretudo na decisão contra o Tiradentes, de Itajaí-SC, o bento-gonçalvense conquistou pela primeira vez o título nacional. "Nosso time é algo fora do normal, é uma mistura de juventude com experiência que faz com que tenhamos aquela sede de vitória e, ao mesmo tempo, uma tranquilidade absurda de que no final tudo vai dar certo", explicou Brandelli. 


Na decisão, o bento-gonçalvense foi o segundo quem mais pontuou na partida dentre os atletas de sua equipe, ajudando o clube de Estância Velha a conquistar o título ao somar 272 pontos, totalizando no final 1597 para a Sociedade de Canto União contra 1582 para a Sociedade Tiradentes de Itajaí. "Comecei muito bem o campeonato, porém fui decaindo e até perdendo um pouco da confiança no meu jogo, porém, na final, quando vi que meu time precisava de mim, eu joguei com toda garra possível para sair de SC com o caneco", ressaltou Brandelli. 

O título da Taça Brasil de Clubes credenciou Brandelli e sua equipe a disputar o Mundial de Bolão de 2020, que ocorre no Clube Pinheiros, em São Paulo. 

TRADIÇÃO QUE VEM DE FAMÍLIA

Brandelli joga bolão desde os 7 anos de idade, incentivados pelos seus pais, sobretudo seu pai Olivar Brandelli, falecido em 2008, que participou do Mundial de Bolão em 1979, na Alemanha. O bento-gonçalvense iniciou a sua carreira no Clube Botafogo em 1995, possuindo em seu currículo até então duas participações em mundiais pela Seleção Brasileira de Menores, conquistando o título em 2010, no Brasil, e ficando em terceiro em 2012. 

Fotos: Divulgação - Fonte: Notícias de Bento