×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoCucina NBModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetFotosViagensTecnologiaVídeos

Bento-gonçalvenses vivem início de carreira dos sonhos no voleibol

Atletas Welinton Oppenkoski e Matias Provensi acumulam diversas conquistas pela forte equipe do Sada Cruzeiro e pela Seleção Brasileira de Voleibol em competições de base.

22/01/2019 09:33

Um início de carreira de tirar o fôlego. Assim pode ser descrita o começo da trajetória dos atletas bento-gonçalvenses Welinton Oppenkoski e Matias Provensi, os quais, com apenas 18 anos, acumulam diversas conquistas dentro de quadra no voleibol. Ambos os promissores atletas fazem parte da equipe do Sada Cruzeiro, um dos maiores clubes do Brasil e do mundo, e seguidamente são convocados para a Seleção Brasileira em categorias inferiores. 

A dupla de Bento se destacou no Bento Vôlei na grande conquista do Campeonato Estadual Infanto-Juvenil de 2016. Da conquista do Campeonato Gaúcho até então, ambos os atletas somaram diversas conquistas em suas carreiras no vôlei, tanto pela forte equipe do Sada Cruzeiro como pela Seleção Brasileira. Hoje, Welinton e Matias fazem parte da geração de promessas que poderão vingar e vestir um dia a camisa verde e amarela pela equipe principal do Brasil. 


Welinton, de 18 anos, iniciou sua trajetória no esporte ainda no Projeto Social promovido pelo Bento Vôlei. O oposto foi destaque na competição estadual e uma das peças fundamentais pela conquista do título em Bento Gonçalves. Recentemente em 2017, o atleta disputou o Mundial de Vôlei Bahrein e, em 2018, conquistou o seu primeiro título com a Seleção Brasileira: o Sul-Americano Sub-21 de Vôlei, sendo eleito o melhor oposto do campeonato. Além disso, teve uma rápida passagem pela Superliga atuando no Juiz de Fora Vôlei. 

Matias, de 17 anos, também foi destaque na base do Bento Vôlei, se transferindo para a equipe mineira na temporada passada. Neste ano, o ponteiro também conquistou o seu primeiro título defendendo a Seleção Brasileira, sendo campeão do Sul-Americano Sub-19 de Vôlei, garantindo vaga ao Mundial.

Pelas categorias inferiores do Sada Cruzeiro, a dupla conquistou inúmeros títulos. Welinton sagrou-se campeão do Estadual Infanto-Juvenil, do Estadual Juvenil, do Metropolitano Sub-21 e também fez parte da conquista da Liga Nacional pela equipe principal, atuando em alguns jogos da primeira fase. Matias, por sua vez, foi campeão da Taça Paraná Sub-18, do Estadual Juvenil e do Metropolitano Sub-21 junto com Welinton e ainda também conquistou o vice no Campeonato Brasileiro Interclubes, no Metropolitano Sub-19 e na Copa Minas Sub-19. 

Com um início vitorioso, ambos os atletas agora almejam repetir as façanhas neste ano. Welinton disputará a Superliga B pelo Lavras Vôlei-MG, enquanto Matias permanecerá na base do Sada Cruzeiro, porém com chances de também fazer parte da equipe do Lavras caso algum jogador se lesione durante a temporada. 


Confira a entrevista com os atletas bento-gonçalvenses:

NB: Quais foram suas experiências nas conquistas pela Seleção Brasileira em 2018?

WELINTON: "Foi uma sensação Indescritível. Sabíamos que não seriam fáceis os jogos do campeonato, nos preparamos forte e você sempre espera fazer o seu melhor para representar o Brasil. Ver que seu esforço de tempos treinando foi recompensado com o lugar mais auto do pódio, e também ser considerado o melhor da sua posição em toda América não tem preço. Não posso descrever em palavras a sensação que tive quando fui eleito o melhor na final". 

MATIAS: "Poder representar a seleção nacional foi um sonho que  parecia quase impossível, e que se tornou realidade. Foi uma experiência única, de momentos de êxtase a momentos de extrema dificuldade, mas acima de tudo de grande aprendizado tanto na parte do voleibol quanto na pessoal. Poder ajudar o Brasil a ir ao topo do pódio é muitíssimo gratificante".

NB: Como vocês avaliam a temporada de 2018 atuando no Sada Cruzeiro e como é atuar em uma das equipes mais fortes do Brasil e do mundo?

WELINTON: "Estar jogando no Sada Cruzeiro é um objetivo de vários atletas da minha idade, mas nem todos conseguem. Sinto que um dos meus sonhos foi realizado até aqui. Quando cheguei em Belo Horizonte o grupo de atletas me recebeu muito bem, me senti em casa já nos primeiros dias, fui muito bem recebido por todos desde atletas até a comissão que sempre me ajudaram".

MATIAS: "Foi a minha primeira temporada integrando a base do Sada Cruzeiro, e é fantástico poder estar adquirindo conhecimento com tricampeões mundiais. No começo você se assusta com o nível incrível que tem lá, mas precisa se adaptar o mais rápido possível e dar seu melhor todos os dias pois a concorrência pela titularidade é sempre acirrada".

NB: Qual é o sonho de vocês no esporte?

WELINTON: "Todo atleta deseja a mesma coisa, o mesmo clichê de sempre, mas na verdade o que eu mais quero é continuar sendo feliz com o que eu estou fazendo e sempre desempenhar o meu melhor voleibol. Resultados, dinheiro, fama e sucesso são só as consequências de sempre fazer o seu melhor dentro de quadra". 

MATIAS: "Meu maior sonho sem sombra de dúvidas é ser campeão olímpico, algo que é muito difícil, mas darei o melhor pra chegar lá". 

Fotos: Sada Cruzeiro - Fonte: Notícias de Bento