×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoComer e BeberModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetRegiãoViagensTecnologiaVídeosEmpresas e EntidadesBairrosCultura

Brasil de Farroupilha arranca com vitória no Brasileirão Feminino A2

Em partida de sete gols, a equipe gaúcha superou a Chapecoense-SC pelo placar de 4 a 3, com gol da vitória no apagar das luzes.

17/03/2020 11:37

Em confronto eletrizante, o Brasil de Farroupilha fez a sua estreia no Campeonato Brasileiro Feminino A2, enfrentando a Chapecoense no domingo, dia 15, em Xanxerê-SC. Se não bastasse a concretização do sonho de entrar em campo pela competição nacional, as gurias rubro-verdes protagonizaram um feito histórico, conquistando uma vitória fora de casa sobre a tradicional equipe catarinense pelo placar de 4 a 3, com gol do triunfo marcado no apagar das luzes. 

O jogo:

Logo no primeiro minuto de jogo, a Chapecoense, que possui a equipe mais jovem dentre os clubes que disputam a competição, teve um pênalti a seu favor, porém brilhou a estrela da goleira Gil, que defendeu a cobrança e evitou a abertura do marcador. Com boas chances construídas pelo setor ofensivo, o rubro-verde foi, aos poucos, controlando a posse de bola e as ações do confronto. No entanto, aos 25 minutos, em um lance isolado, a Chapecoense aproveitou o espaço na defesa adversária e Giovana abriu o placar para as catarinenses. 

Com o gol, a Chapecoense passou a oferecer mais perigo à defesa visitante, porém o Brasil reagiu na partida e, nos minutos finais da etapa inicial, após cruzamento de Kelly, Tuca cabeceou livre para empatar o jogo, 1 a 1. No entanto, nos acréscimos, a equipe da casa passou à frente do placar novamente com gol de pênalti de Giovana, 2 a 1. 

Na etapa derradeira, o Brasil se jogou para o ataque em busca do empate. Logo aos 2 minutos, em cruzamento de Adriana, a bola sobrou com Pati, que finalizou rasteiro, sem chances de defesa para a goleira adversária, 2 a 2. Entretanto, pouco depois, a Chapecoense respondeu a altura com gol de Giovana, finalizando no ângulo para marcar o terceiro do time de Chapecó. 

Após modificações na equipe promovidas pelo técnico Luciano Almeida, o Brasil voltou atacar com maior efetividade a equipe da casa. Aos 28 minutos, em uma cobrança de escanteio, Bianca apareceu livre, na segunda trave, para empatar o jogo pela terceira vez, 3 a 3. 

Aos 38 minutos, a Chape esteve muito próxima de marcar o quarto gol, mas a goleira Gil mais uma vez brilhou para salvar a equipe rubro-verde. Os minutos finais foram de pressão do Brasil de Farroupilha. Em cobrança de falta, aos 50 minutos de jogo, Bianca cruzou para a área e Pâmela se antecipou a goleira Taísa para desviar em direção ao gol e balançar as redes, virando o jogo no apagar das luzes, 4 a 3. 

Suspensão do campeonato:

Com a vitória, o Brasil terminou a 1ª rodada na 3ª colocação com três pontos somados. Por determinação da CBF, devido à pandemia do novo coronavírus, as competições de âmbito nacional, sejam elas masculino ou feminino, foram paralisadas por tempo indeterminado. O próximo confronto da equipe rubro-verde será contra do Napoli-SC, em sua estreia diante do seu torcedor, no Estádio das Castanheiras, em Farroupilha. 

Ficha da partida: 

Chapecoense (3): Tainá; Taiane (Ágata), Caroline, Patrícia e Stefanny (Ana Luiza); Nataliê, Naiane (Letícia) e Joyce (Beatriz,); Laís, Giovana e Brenda. Técnico: João Romeu

Brasil (4): Gil; Adri, Ifi (Letícia), Luane e Jana; Sara, Laysa (Bianca) e Bruninha (Fraa); Kelly, Tuca (Pâmela) e Pati (Greyce). Técnico: Luciano Almeida

Gols: Giovana, 25' 1T, 48' 1T, 9' 2T para a Chape; Tuca 45' 1T, Pati 2' 2T, Bianca, 28' 2T tempo, e Pâmela 50' 2T para o Brasil.

Arbitragem: Édson da Silva, auxiliado por Deise Bellaver e Luciane Rodrigues dos Santos

1ª rodada - Grupo F:

Napoli-SC 4 x 0 Athletico-PR

Fluminense-RJ 4 x 2 Toledo-PR

Chapecoense-SC 3 x 4 Brasil de Farroupilha

Fotos: Ramon Cardoso/Jornal Informante - Fonte: NB Notícias