×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoComer e BeberModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetRegiãoViagensTecnologiaEmpresas e EntidadesBairrosCulturaVídeos

Depois de cinco anos, Esportivo volta a estrear na elite do futebol gaúcho

Equipe alviazul enfrenta o São José nesta quinta-feira, dia 23, no Estádio Francisco Noveletto, em Porto Alegre.

22/01/2020 02:17

O Clube Esportivo faz a sua estreia no Campeonato Gaúcho de 2020 nesta quinta-feira, dia 23, em confronto diante do São José, às 20h, no Estádio Francisco Noveletto, em Porto Alegre. Depois de cinco anos amargando a disputa da Divisão de Acesso, a equipe alviazul volta a disputar uma partida pela elite do futebol gaúcho. 

Assim como no ano passado, o Esportivo vai apostar em um elenco experiente para a disputa da competição estadual. Prova disso é a média de idade do grupo, que gira em torno dos 30 anos, além da bagagem acumulada por grande parte dos atletas do elenco no futebol estadual e nacional. 

Dentre os destaques, o alviazul de Bento Gonçalves conta com o goleiro Renan, bicampeão da Libertadores e campeão do mundo com o Internacional, o volante Washington, ex-Brasil de Pelotas, e o atacante Marcão, artilheiro do Gauchão de 2019 pelo São Luiz. 

Na pré-temporada, o Esportivo foi o clube que mais realizou testes preparatórios. Ao todo, somando jogos-treino e amistosos, o clube fez oito partidas durante a preparação para o Campeonato Gaúcho, conquistando cinco vitórias, um empate e sofrendo duas derrotas. 

A equipe alviazul enfrentou três futuros adversários no Gauchão durante a pré-temporada: o Ypiranga, contra o qual empatou em 0 a 0, fora de casa, e perdeu em Bento Gonçalves por 2 a 1; Pelotas, vencendo a equipe na Boca do Lobo por 1 a 0; e Juventude, sofrendo uma derrota por 3 a 1 em Flores da Cunha. 

O técnico Carlos Moraes alternou a equipe titular durante os testes, no entanto, nos últimos três jogos amistosos, o treinador colocou a mesma equipe em campo, jogando com três volantes. Porém, devido à saída repentina do volante Escobar, Robert poderá ocupar a vaga na equipe titular, ou o comandante alviazul poderá optar por atuar em um 4-3-3, colocando Caprini em uma das extremidades no ataque. 


Para o confronto diante do São José, Carlos Moraes não terá à disposição o centroavante Flávio Torres, que fraturou o nariz, e o volante Fabrício Lusa, que ainda não consta no BID da CBF. O treinador do Esportivo deverá colocar em campo Renan, Igor Bosel, Cleiton, Luis Eduardo e Rômulo; Lucas Hulk, Washington e Juninho Tardelli; Gustavo Sapeka, Caprini (Robert) e Marcão. 

O São José, clube da Série C do Campeonato Brasileiro,  comandado pelo técnico Leocir Dall’Astra, manteve a base do ano passado, com o acréscimo de algumas peças pontuais, dentre elas o meia Diguinho, ex-Fluminense e Vasco. A equipe porto-alegrense deverá entrar em campo com Fábio; Márcio Lima, Rafael Goiano, Marcão e Marcelo; Tiago Pedra, Diguinho e Rafael Tavares; Matheuzinho, Saldanha e Luiz Eduardo. 

A esperança de gols do alviazul:

O Esportivo aposta no nome de Marcão para ser a esperança de gols do clube no Gauchão. O centroavante, de 34 anos, foi o artilheiro do Campeonato Gaúcho de 2019 pelo São Luiz, anotando seis gols em 11 partidas disputadas. Na sua carreira, Marcão coleciona passagens por clubes da Série A e B do Campeonato Brasileiro. O atacante destaca-se por sua efetividade em finalizações e o seu bom jogo aéreo ofensivo. 


Na pré-temporada, Marcão anotou quatro gols. Na sua sombra, o experiente atacante Flávio Torres chegou para ser a reposição à altura de Marcão. O atleta também balançou as redes por quatro vezes na pré-temporada. 

De olho neles:

A grande parte dos jogadores que fazem parte da equipe titular participou de praticamente todos os testes preparatórios para o Gauchão durante o período de preparação do alviazul. Nos amistosos, algumas das peças que compõem o elenco chamaram a atenção dentro das quatro linhas.

O atacante Gustavo Sapeka, além de ser o artilheiro do clube na pré-temporada, com cinco gols anotados, foi um dos destaques da equipe nos testes preparatórios. Ágil, veloz e com boa finalização, Sapeka garantiu um lugar no time titular desde o primeiro jogo-treino.


O meia Juninho Tardelli chegou ao clube com a responsabilidade de ocupar o lugar deixado pelo meia Athos, que marcou passagem no Clube Esportivo em 2019, no acesso à elite. O jogador, de 36 anos, irmão do atacante Diego Tardelli, ex-Grêmio, fez uma boa pré-temporada e demonstrou estar bem fisicamente e tecnicamente para vestir a pesada camisa número 10 do Esportivo. 

No meio de campo, os volantes Lucas Hulk e Washington também realizaram boas atuações nos amistosos. No esquema proposto por Carlos Moraes, ambos os atletas participaram de forma constante das jogadas de ataque da equipe. Na defesa, Cleiton, capitão do time que conquistou o acesso, segue absoluto no sistema defensivo alviazul. 

Fórmula do Gauchão:

As 12 equipes foram divididas em dois grupos de seis clubes. Na Taça Ewaldo Poeta, os clubes se enfrentam dentro de seus próprios grupos, avançando os dois primeiros de cada chave. A semifinal e a final serão disputados em jogo único. Na Taça Francisco Noveletto, os times do grupo A enfrentam os times do grupo B, também passando de fase os dois primeiros de cada chave. A final do Gauchão será decidida entre os campeões das taças, em jogos de ida e volta. 

Grupo A: Juventude, Novo Hamburgo, Pelotas, São Luiz, Internacional e Ypiranga;

Grupo B: Aimoré, ESPORTIVO, São José, Brasil de Pelotas, Grêmio e Caxias. 

Serviço de jogo

São José x Esportivo – 1ª rodada do Campeonato Gaúcho 2020

Data e horário: 23/01 (quinta-feira) – 20h

Local: Estádio Francisco Noveletto, Porto Alegre

Arbitragem: Árbitro – Eder Zanella; Auxiliares – Michael Stanislau e Maíra Mastella Moreira

1ª rodada:

Ypiranga x São Luiz

Pelotas x Novo Hamburgo

Juventude x Internacional

São José x Esportivo

Aimoré x Brasil de Pelotas

Grêmio x Caxias

Fotos: Kévin Sganzerla - Fonte: Notícias de Bento