×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoComer e BeberModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetFotosViagensTecnologiaCulturaVídeosEmpresas e EntidadesBairros

Esportivo sofre virada contra o São Borja em casa

Equipe Alviazul abriu dois gols de vantagem, porém cedeu a virada para os visitantes. Com o reusltado, o Esportivo perdeu sua invencibilidade jogando em seus domínios.

07/04/2019 09:39

O Esportivo conheceu a sua terceira derrota e perdeu sua invencibilidade em casa pela Divisão de Acesso de 2019. Mesmo abrindo dois gols de vantagem, a equipe Alviazul sofreu a virada pelo placar de 3 a 2 diante do São Borja, em confronto realizado na tarde deste domingo, dia 7, na Montanha dos Vinhedos. Apesar do resultado negativo, o Esportivo segue na liderança do grupo B da competição estadual.

O técnico Carlos Moraes entrou em campo com uma postura tática diferente em relação aos confrontos anteriores. O zagueiro Gullithi sentiu pela parte da manhã deste domingo e foi preservado para a partida, entrando em seu lugar o estreante Douglão e desmanchando a linha de três zagueiros utilizada durante todo o campeonato. 

1º tempo:

A primeira boa chance clara de gol da partida foi dos visitantes, que necessitavam vencer para permanecer na briga contra o descenso. Linik, em jogada individual, fitou a marcação e finalizou raspando o travessão. O Esportivo, que chegava ao ataque de forma intensa, respondeu à altura. Zulu recebeu na grande área e rolou para Athos, que finalizou no canto alto do goleiro John para abrir o placar, 1 a 0. O São Borja chegou duas vezes com perigo, novamente com Linik, finalizando para fora, e João Filipe, obrigando o goleiro Jonatas a fazer a defesa. 

Aos 27 minutos, em boa jogada individual de Vinícius Martins, o atacante chutou encima da defesa adversária, sobrando para Nunes bater de primeira, obrigando o goleiro a fazer boa defesa. No rebote do goleiro John, Toni Júnior tentou driblar a marcação e foi tocado por baixo pelo goleiro, resultando em pênalti para o Esportivo. Zulu finalizou com perfeição e ampliou a vantagem, 2 a 0. Pouco depois, em cobrança de falta, Gil desviou de cabeça para diminuir o placar para o São Borja. 


O Esportivo chegou novamente ao ataque em jogada construída por Vinícius Martins, o qual colocou Athos na cara do gol, porém John salvou o que seria o terceiro do Esportivo. Aos 41 minutos, Linik fez boa jogada, deixando a defesa para trás e finalizando de longe para empatar a partida, 2 a 2. 

2º tempo:

Na etapa derradeira, o Esportivo, mesmo com maior posse de bola, foi pouco efetivo em seu setor ofensivo. Logo nos primeiros minutos, Toni Júnior chegou em velocidade na grande área e finalizou no canto, parando mais uma vez na boa intervenção do goleiro do São Borja. Os visitantes exploravam a velocidade para chegar ao ataque, conseguindo criar boas chances de gol. Aos 27 minutos, após tentativa do São Borja de alçar a bola na área, o jogador do Esportivo tocou com o braço na bola: pênalti para a equipe visitante. Eto'o bateu e virou o placar para o São Borja, 3 a 2. 

O Esportivo tentou reagir nos minutos finais. Zulu, de cabeça, também parou na boa defesa de John. Pouco depois, após bom toque de Bovi, Nunes recebeu na entrada da grande área, finalizando por cima do gol defendido pelo São Borja. Nos acréscimos, Jonatas, em entrada dura pela lateral, foi expulso. Com todas as substituições realizadas, Bovi calçou as luvas e fez o papel de goleiro nos minutos finais. Apesar das tentativas dos donos da casa, o placar terminou favorável aos visitantes por 3 a 2. 


Mesmo com a derrota, o Esportivo segue na liderança do grupo B, porém com apenas um ponto a mais que o vice-líder Glória de Vacaria. Na última rodada da primeira fase, a equipe de Carlos Moraes visita o Ypiranga, no sábado, às 16h, no Estádio Colosso da Lagoa, em Erechim. Para se manter em primeiro, a equipe necessita de uma vitória fora de casa ou, em caso de derrota, torcer por um resultado negativo do Glória contra o Igrejinha. 

Ficha da partida:

Esportivo: Jonatas, Xaro, Douglão, Cortês e Bovi; Nunes, Robert e Athos (Vinícius Santos); Toni Júnior (Diogo), Vinícius Martins (Gustavo Xuxa) e Zulu - Técnico: Carlos Moraes

São Borja: John, Douglas Tuchê, Gil, Mendonça e Velazquez; Bruno, Juvenil, Linik (Dadinho) e Lúcio; João Felipe e Eto'o - Técnico: Geverton Duarte

Gols: Athos 10' 1T (ESP), Zulu 29' 1T (ESP), Gil 32' 1T (SBJ), Linik 41' 1T (SBJ) e Eto'o 27' 2T (SBJ)

13ª rodada:

Bagé x Inter-SM - 08/04

Cruzeiro 0 x 0 Lajeadense

São Paulo-RG x Guarani-VA

Farroupilha x São Gabriel - 08/04

Tupi 1 x 2 Igrejinha

Glória 1 x 1 Ypiranga

Esportivo 2 x 3 São Borja

União Frederiquense 1 x 1 Passo Fundo

Classificação: 

1º Esportivo: 24

2º Glória: 23

3º Ypiranga: 19

4º Igrejinha: 18

5º Passo Fundo: 16

6º Tupi: 14

7º São Borja: 14

8º União Frederiquense: 12

Fotos: Kévin Sganzerla - Fonte: Notícias de Bento