×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoComer e BeberModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetRegiãoViagensTecnologiaVídeosEmpresas e EntidadesBairrosCulturaVariedadesEleiçõesBrasil

GAUCHÃO 2020: Os números da surpreendente campanha do Esportivo

Tabus quebrados, objetivos alcançados e as conquistas que vão possibilitar um 2021 especial para o Esportivo e ao seu torcedor.

30/07/2020 07:23

Em 2019, o Esportivo coroou a comemoração da passagem do Centenário com a conquista do acesso à elite do futebol gaúcho. Porém, poucos imaginavam que a festa estaria longe de acabar. No Gauchão de 2020, o alviazul protagonizou a sua melhor campanha das últimas décadas, faturando o título do Interior, que não era conquistado desde 1987 pelo clube, e as vagas às competições nacionais, tornando muito próspera a temporada de 2021 para a equipe e sua torcida. 

Os números da campanha ao final da fase classificatória

O Esportivo finalizou a fase classificatória com a quarta melhor campanha do Gauchão. Em 11 jogos, a equipe alviazul teve cinco vitórias, quatro empates e somente duas derrotas – totalizando 58% de aproveitamento, com 16 gols anotados e 17 sofridos. Além disso, os comandados do técnico Carlos Moraes permanecem invictos atuando no Estádio Montanha dos Vinhedos na competição estadual. Dentre os resultados, o Esportivo bateu ambos os clubes de Caxias do Sul - o rival Caxias e o Juventude - nesta temporada. 

A vitória de virada sobre o Juventude por 3 a 2 no Estádio Alfredo Jaconi, onde o time bento-gonçalvense não vencia desde 1979, sacramentou o título do Interior para o Esportivo. Porém, se a equipe for campeã do segundo turno, o regulamento prevê que o título vai para o Ypiranga, uma vez que nenhum dos finalistas do campeonato podem se tornar campeão do interior. 

No segundo turno, o Esportivo terminou na vice-liderança da chave com 11 pontos, mesma pontuação que o rival Caxias, mas levando a melhor no número de gols anotados. Na semifinal, a equipe alviazul vai enfrentar o Internacional. 

Na artilharia do Esportivo, Flavio Torres e Gustavo Sapeka estão à frente, com três gols cada, seguidos pelo meia Juninho Tardelli, com dois. 


Carlos Moraes: aproveitamento de 56% no comando alviazul

O treinador mais longevo no comando de um clube no Gauchão, Carlos Moraes colocou seu nome na história do Esportivo. Em dois anos à frente do clube, o técnico conta com números positivos e conquistas que constituíram um dos melhores momentos do Esportivo nas últimas décadas. Em 31 jogos, somando Divisão de Acesso e Gauchão, no comando do alviazul, Carlos Moraes somou 14 vitórias, 10 empates e sofreu apenas sete derrotas, totalizando 56% de aproveitamento. 

Ao deixar os números de lado, Carlos Moraes crava seu nome na centenária história do alviazul ao conquistar o acesso à elite do futebol gaúcho e, logo no ano seguinte, ao alcançar o título do Interior e as vagas às competições nacionais, tudo isso em meio às comemorações dos 100 anos do Esportivo


Depois de 13 anos, Esportivo vai voltar a figurar no âmbito nacional do futebol brasileiro

Em 2007, o Esportivo disputou pela última vez uma competição de nível nacional. Naquela temporada, a equipe alviazul participou da Série C do Campeonato Brasileiro, quando ainda não existia a Série D. Na ocasião, o clube de Bento Gonçalves protagonizou a sua melhor campanha em âmbito nacional, chegando até a terceira fase da competição. O alviazul teve a 16ª melhor campanha de 64 clubes participantes.  

Em 2021, o Esportivo vai voltar a disputar uma divisão nacional, mas, desta vez, a Série D do Campeonato Brasileiro. Além disso, o clube também está confirmado na Copa do Brasil de 2021. O alviazul possui uma única participação no torneio nacional em sua história. Foi em 2005, quando a equipe chegou à segunda fase, sendo eliminado para o Fluminense, no Maracanã. 

Esportivo x Inter – Semifinal do 2º turno

O Esportivo vai voltar a enfrentar o Internacional nesta retomada do Gauchão, porém, agora valendo vaga na final da Taça Francisco Noveletto. Portanto, ao contrário do jogo que foi realizado no Estádio Montanha dos Vinhedos, onde o Esportivo ficou no empate em 1 a 1 com o time reserva do Inter, a equipe colorada deverá entrar em campo com força total para essa semifinal.

O jogo deverá ocorrer no domingo, 2 de agosto, às 16h. O local ainda não foi definido pela Federação Gaúcha de Futebol (FGF). O Inter aguarda uma possível liberação por parte da prefeitura de Porto Alegre para realizar o confronto diante do Esportivo no Estádio Beira-Rio. 

CAMPANHA DO ESPORTIVO:

1º turno 

São José 1 x 1 Esportivo

Esportivo 4 x 3 Aimoré

Brasil de Pelotas 0 x 0 Esportivo

Grêmio 5 x 0 Esportivo 

Esportivo 1 x 0 Caxias 

2º turno

Esportivo 1 x 0 São Luiz

Novo Hamburgo 2 x 1 Esportivo

Esportivo 2 x 1 Pelotas

Ypiranga 2 x 2 Esportivo 

Esportivo 1 x 1 Internacional

Juventude 2 x 3 Esportivo

Classificação Geral

Fotos: Kévin Sganzerla/Clube Esportivo - Fonte: NB Notícias