×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoComer e BeberModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetRegiãoViagensTecnologiaVídeosEmpresas e EntidadesBairrosCultura

Veja a situação do Esportivo caso o Gauchão seja declarado como finalizado

Campeonato Gaúcho para ou continua? Reunião na próxima semana entre FGF e clubes vai definir o futuro da competição estadual de 2020. No momento, Esportivo estaria classificado para dois campeonatos nacionais.

18/03/2020 05:15

Nos últimos dias, a situação envolvendo a pandemia do novo coronavírus se agravou no país e há poucas expectativas de melhora nas próximas semanas. Dentre as possibilidades, o Gauchão, que foi suspenso por 15 dias, poderá ser declarado como finalizado, uma vez que a falta de datas no calendário do futebol brasileiro impediria a conclusão da competição estadual. Caso o encerramento do campeonato ocorrer devido à pandemia, questões que envolvem diretamente o Esportivo, como o título do interior gaúcho e vagas para a Copa do Brasil e Série D, deverão ser debatidas em reunião dos clubes junto à Federação Gaúcha de Futebol (FGF).

A pandemia do novo coronavírus obrigou a paralisação de torneios e eventos esportivos em praticamente todo o planeta. No Brasil, todas as competições estaduais foram suspensas e campeonatos nacionais tiveram seus jogos adiados por determinação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O Campeonato Gaúcho, que realizou a 3ª rodada do segundo turno no último final de semana, com portões fechados, foi suspenso por 15 dias pela FGF. O futuro da competição deverá ser definido na próxima semana, em nova reunião com os presidentes dos clubes. 

De acordo com o presidente da FGF, Luciano Hocsman, a CBF já cogita dar por finalizados os campeonatos estaduais.  “O presidente da CBF, Rogério Cabloco, disse que, dependendo da evolução da situação, a intenção da Confederação é fazer com que as competições estaduais tenham o seu fim”, explica o mandatário, em entrevista para a Rádio Imembuí, de Santa Maria. 

Caso o Gauchão seja declarado como encerrado, o campeão, os rebaixados, as vagas para as competições nacionais, cotas de premiação e questões financeiras seriam definidas em debate em conjunto com os presidentes dos clubes. Enquanto alguns mandatários se posicionam a favor do cancelamento, outros, incluindo o presidente do Clube Esportivo, Laudir Piccoli, ainda não têm posicionamento sobre qual a melhor alternativa optar para o atual momento. Na primeira reunião, que definiu a suspensão por 15 dias do Gauchão, o Esportivo defendeu a realização do restante da competição com portões fechados. 

Esportivo e as vagas para as competições nacionais

Com a paralisação do Gauchão na 3ª rodada do segundo turno, o Esportivo estaria faturando o título do interior e as vagas para a Copa do Brasil e para a Série D do Campeonato Brasileiro de 2021. A equipe alviazul ocupa a 4ª colocação na classificação geral com 14 pontos, somente atrás da Dupla Grenal e do Caxias, campeão da Taça Ewaldo Poeta, o primeiro turno do estadual.

De acordo com o presidente da FGF, com relação às vagas para as competições nacionais, a CBF será a responsável por administrá-las em meio ao cenário atual. “Os requisitos e os critérios para que o clube obtenha o acesso a essas vagas não são da FGF e são definidos pela CBF. Foi uma das questões que nós tratamos no Rio de Janeiro juntamente com dirigentes da CBF. Então não podemos dizer o que pode acontecer em relação a essas vagas, pois é a CBF que vai definir o critério dentro de uma eventual paralisação dos campeonatos estaduais ou uma eventual necessidade de jogar essas vagas para uma outra competição, ainda é tudo muito prematuro”, explica Luciano. 

Caso o Gauchão seja dado por encerrado, o mandatário entende que as situações envolvendo rebaixamento, título do interior e vagas às competições nacionais necessitam ser definidas. “Tenho o entendimento de que, a partir que você encerra uma competição e declara um campeão, as outras definições que estão previstas no regulamento como rebaixamento e vagas em competições nacionais precisam ser definidas, porém podemos gerar algum tipo de injustiça para com as outras equipes. Por isso temos que ter muita cautela para que todas as hipóteses sejam avaliadas e a gente tenha a tranquilidade de tomar a melhor decisão”, salientou Hocsman. 

Classificação geral do Gauchão:


Fotos: Kévin Sganzerla - Fonte: NB Notícias