×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoCucina NBModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetFotosViagensTecnologiaVídeos

Amigos se unem para ajudar servidor público que precisa de medicamento importado

Rogério Paulino dos Santos, o Rogerinho, eletricista da prefeitura há 30 anos, necessita de remédio que custa mais de R$ 20 mil a dose

22/08/2019 10:26

Funcionário da prefeitura há 30 anos, o eletricista Rogério Paulino dos Santos, o Rogerinho, está enfrentando um duro desafio contra o câncer. As sessões de quimioterapia mantidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) têm evitado que a doença se agrave, mas os médicos receitaram o uso de um medicamento importado, que custa mais de R$ 20 mil a dose – Rogerinho precisará de pelo menos dez delas, uma a cada 20 dias.

Depois de ingressar com uma ação contra o Estado, através da Defensoria Pública, ele conseguiu uma liminar a seu favor, para o fornecimento do remédio de forma gratuita. Como o trâmite ainda deve demorar um pouco e o paciente necessita começar a nova etapa do tratamento até setembro, amigos e familiares de Santos iniciaram uma mobilização para ajudá-lo a arrecadar recursos que possam custear, ao menos, as duas primeiras aplicações.

No próximo dia 7 de setembro, às 20h, um jantar beneficente em prol do servidor público será realizado no CTG Laço Velho, e toda a renda será revertida para a causa. Antes disso, contudo, os organizadores pedem ajuda com doações ao evento, que podem ser em dinheiro, brindes para sorteio ou produtos como salsichão, coxas e sobrecoxas e carvão. A intenção é reduzir ao máximo os custos e, assim, garantir que um valor maior seja angariado.

Como ajudar
Nesta semana, os ingressos para o jantar beneficente em prol de Rogerinho começam a ser vendidos. Interessados nas entradas, que custam R$ 35 – ou quem deseje obter mais informações sobre a mobilização –, podem entrar em contato com Mônica, pelo telefone (54) 9.8422.9297, ou Ademar, pelo (54) 9.9950.3279.

Um pedido dos organizadores é que as pessoas que adquirirem os ingressos e, eventualmente, não puderem comparecer, repassem as entradas a outros interessados. O objetivo é evitar desperdícios de alimentos, pois a intenção é preparar a comida para 900 participantes. O cardápio será massa, galeto, salsichão e saladas (alface, tomate e cebola).

Quem preferir, também pode ajudar Rogerinho financeiramente, por meio de doações em sua conta. Os dados são os seguintes:
Banco Sicredi (748)
Agência: 0167
Conta corrente: 61.631-1
CPF: 532.142.770-49

Fotos: Arquivo pessoal/Facebook - Fonte: