×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoComer e BeberModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetFotosViagensTecnologiaCulturaVídeosEmpresas e EntidadesBairros

Autorizado edital para modernização da iluminação pública

Projeto prevê a troca integral dos 14,9 mil pontos de iluminação por lâmpadas de LED num prazo de 36 meses, trazendo mais tecnologia e segurança para as ruas da cidade.

12/11/2019 03:14

O prefeito Guilherme Pasin assinou, na manhã desta terça-feira, 12, no Salão Nobre Municipal, o edital de chamamento público do projeto pioneiro de Parceria Público-Privada que irá proporcionar a modernização, gestão e expansão da rede de iluminação pública de Bento Gonçalves. O projeto compreenderá, em até 36 meses, a troca integral de 14.908 mil pontos de iluminação, a partir das substituição das luminárias tradicionais por lâmpadas de LED. A estimativa é a economia do consumo de energia em cerca de 50%.

A iniciativa foi apresentada pelo secretário de Desenvolvimento Econômico, Silvio Bertolini Pasin. O documento é resultado de um período de consulta pública, a partir de apresentações e debates com a população. A proposta foi elaborada com base nos projetos das empresas Quantum Engenharia e Companhia Paulista De Desenvolvimento (CPD), vencedoras do primeiro edital.  “Este é um marco histórico para nossa cidade. É um projeto que traz melhorias para a comunidade, em muitos sentidos, e isso que buscamos no nosso dia-a-dia. Um projeto que irá transformar Bento em uma cidade cada vez mais sustentável e inteligente”, destacou o secretário.

Representando a CPD, João Vitor Domingues destacou o pioneirismo de Bento na parceria público-privada. “Hoje no país somente 14 contratos estão assinados e nenhum no Estado. Os desafios são grandes, mas Bento sai na frente. O próximo passo é incluir a cidade no roteiro de cidades luz, valorizando o aspecto empreendedor desta comunidade”.

O edital será disponibilizado no site da Prefeitura nos próximos dias. Os passos seguintes são a abertura das propostas das empresas interessadas, assinatura do contrato e implementação. Dentre outros benefícios, estão a telegestão, que acompanha em tempo real a eficiência e funcionamento do parque de iluminação, sustentabilidade, maior luminosidade e como consequência maior sensação de segurança, redução de manutenção e possibilidade de embarcar novas tecnologias para melhorias no ecossistema de mobilidade urbana e segurança pública.

O presidente da Câmara de Vereadores, Rafael Pasqualotto, ressaltou a importância da iniciativa para a comunidade. “Projeto Pioneiro, mostrando que Bento está na vanguarda dos serviços oferecidos para comunidade. Quando este projeto chegou na Câmara, eu tomei conhecimento que nós estamos falando muito mais do que clarear as ruas do nosso Município, é muito mais amplo. A essência desta parceria é qualidade de vida, segurança e satisfação comunitária. É disso que estamos falando”, pontuou.



“Depois de um trabalho de muito conceito e qualidade, estamos autorizando hoje a abertura do edital para um projeto pioneiro que é a PPP da iluminação pública. Um projeto que ultrapassa o simples conceito de iluminação, mas beneficia a cidade e interior, é tecnologia, segurança, é assim que vamos fazendo não uma cidade de Governo, mas uma cidade de futuro”, frisou o prefeito Guilherme Pasin.

A iniciativa conta com o apoio das secretarias de Finanças e de Gestão Integrada e Mobilidade Urbana, Procuradoria-Geral do Município e Conselho Municipal de Desenvolvimento Econômico.

Confira as etapas do processo até agora:

Estudo de viabilidade: 2016/2017/2018

Criação da Lei Municipal das PPP’s (6286): 2016/2017

Lançamento do Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI): janeiro de 2019

Análise e escolha de projetos: junho de 2019

Consulta pública: junho e julho de 2019

Elaboração do edital: julho a novembro de 2019

Lançamento do edital: novembro de 2019



Fotos: Divulgação - Fonte: Divulgação