×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoComer e BeberModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetRegiãoViagensTecnologiaBairrosCulturaVídeosEmpresas e Entidades

Câmara vota uso de equipamento que elimina ar da tubulação de água

Em caso de aprovação, consumidores vão poder pedir a instalação do material para evitar que o ar que passa pelos canos seja cobrado como água pela Corsan, como acontece atualmente.

17/02/2020 12:51

Cinco projetos estão na pauta da ordem do dia na sessão da Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves nesta segunda-feira, 17. Três são de origem do Executivo e dois partiram de parlamentares. A sessão terá transmissão ao vivo pelo canal da Câmara de Vereadores no YouTube e na Página do Facebook. 

O primeiro projeto é o PLO 2/2020, que "DISPÕE SOBRE A INSTALAÇÃO DE EQUIPAMENTO ELIMINADOR DE AR NA TUBULAÇÃO DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA DO MUNICÍPIO DE BENTO GONÇALVES". Eliminadores de ar são equipamentos instalados em pontos específicos que visam impedir que o ar existente nas tubulações tenha seu fluxo contabilizado como consumo de água. Sem ele, o hidrômetro registra como consumo de água o ar que passa por ele, resultando em faturamento de consumo de água superior ao consumo real, em prejuízo dos consumidores. A presente proposição visa oportunizar aos consumidores que, a seu critério, providenciem junto à concessionária do serviço de abastecimento de água neste Município a instalação do equipamento eliminador de ar, estando ela compelida a instalar o aparelho no prazo legal fixado. Observa-se que, uma vez solicitada à CORSAN a instalação do aparelho eliminador de ar, a concessionária terá o prazo máximo de 90 (noventa) dias para atender à solicitação, cabendo ao consumidor arcar com os custos de aquisição e instalação do aparelho.

Em seguida será votado o projeto de Decreto do Legislativo 1/2020, de autoria do vereador Gilmar Pessutto (PSDB) e subscrito por demais parlamentares, que prevê a concessão do título de cidadão Bento-gonçalvense ao Engenheiro Elias Japur, pelos relevantes serviços prestados à comunidade. 

Depois, serão votados os PLOs 5/2020 e 6/2020, ambos de autoria do Executivo e que preveem a abertura de créditos especiais, sendo o primeiro de  R$ 811.181,93 e o segundo de o segundo de  R$ 87.766,89, ambos para a aplicação do "Projeto Cultural Tuiuty — Etapa 1 — Reabilitação do Prédio" proveniente de captação via Lei de Incentivo à Cultura-LIC/RS. 

Por fim, sera votado o PRE 2/2020, de autoria do vereador Edson Biasi (Progressistas) e subscrito por demais parlamentares que concede portaria de louvor e agradecimento ao sr.  Darci Poletto, pela sua dedicação e contribuição para com o município de Bento. Gonçalves. 

Fotos: Divulgação - Fonte: Divulgação