×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoComer e BeberModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetRegiãoViagensTecnologiaVídeosEmpresas e EntidadesBairrosCulturaVariedadesEleiçõesBrasil

COVID-19: Bento Gonçalves volta a registrar óbitos ligados a doença

Pacientes de 87 e 86 anos faleceram no sábado, 8, e nesta quinta-feira, 13. Capital do Vinho chega a 88 mortes.

13/08/2020 05:28

Bento Gonçalves voltou a registrar óbitos ligados ao coronavírus depois de vários dias sem mortes. Foram dois casos de mulheres idosas com 87 e 86 anos. Uma delas estava internada no hospital São Pedro, em Garibaldi, e outra em uma casa para idosos da cidade.

De acordo com o Comitê de Atenção ao Coronavírus, a primeira morte foi de uma mulher de 87 anos, que faleceu em uma instituição de longa permanência (Lar de Idosos) da cidade. Ela tinha várias comorbidades e teve a confirmação da Covid-19 no dia 30 de julho, vindo a falecer no dia 8 de agosto. A Secretaria Municipal de Saúde já está cumprindo todo protocolo estabelecido para as casas de idosos, com testagem e monitoramento dos idosos e funcionários.

Nesta quinta-feira, 13, uma mulher de 86 anos também faleceu com problemas ligados à Covid-19. Ela estava internada no Hospital São Pedro, em Garibaldi, desde o dia 23 de julho. A idosa testou positivo para coronavírus no dia 24 de julho. Ela também tinha comorbidades. Com mias estas duas mortes, Bento Gonçalves chega a 88 óbitos ligados à Covid-19.

Ainda nesta quinta-feira, 13, foram registrados mais 26 pessoas que testaram positivo para o coronavírus. Também foi confirmado que mais 18 pacientes foram considerados recuperados clinicamente da doença. Desde o início da pandemia, a Capital do Vinho soma 2.599 casos positivos da doença, mas com 2.345 deste total curados clinicamente. Há ainda 133 pessoas internadas em isolamento domiciliar, 9 em isolamento hospitalar e 24 internadas na UTI.

Entre os casos suspeitos, há 954 pessoas monitoradas em isolamento domiciliar e consideradas bem de saúde. 11 pacientes estão em internação hospitalar ou na UPA 24 Horas e mais 5 pacientes em estado mais grave na UTI. O Ambulatório de Campanha realizou o atendimento de 115 pessoas com problemas respiratórios nas últimas 24 horas.

Fotos: Divulgação - Fonte: NB Notícias