×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoCucina NBModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetFotosViagensTecnologiaVídeos

Índice de crianças sem cáries nas escolas municipais chega a 94%

Números foram apresentados pelo Setor de Saúde Bucal e são referentes a menores de 0 a seis anos.

12/06/2019 08:46

A doença cárie já deixou de ser o maior problema odontológico nas crianças que frequentam as Escolas Municipais Infantis em Bento Gonçalves. Segundo dados do Setor de Saúde Bucal da Secretaria Municipal de Saúde, o índice de crianças de zero a seis anos, livres de cáries em Bento, chega a 94%. Dados do SB Brasil relataram que, aos cinco anos de idade, 53,4% das crianças brasileiras estão livres de cárie na dentição decídua (dentes-de-leite).

A Equipe de Prevenção, do Setor de Saúde Bucal, acompanha as crianças nas 20 Escolas Municipais Infantis. Desde o início do semestre, foram examinadas 2.247 crianças, e constatada que a doença cárie deixou de ser o problema de maior prevalência nas crianças com faixa etária de zero a seis anos de idade. “Nossa geração passada acostumou-se com a idéia de perder dentes. Era muito comum usar pontes e dentaduras. Aproveitamos o ambiente escolar para despertar na criança o interesse pelo cuidado da sua saúde bucal. Mostramos a perda dental por cárie como uma doença que pode ser prevenida e/ou controlada, com bons hábitos de dieta e higiene. Eles aprendem a importância de uma alimentação saudável e de uma higiene bucal bem feita, com uso de creme-dental, escova e fio. Estimulamos também que compartilhem seus aprendizados com sua família”, ressalta a coordenadora do Setor de Saúde Bucal, Giovana De Bacco.

O secretário Diogo Segabinazzi Siqueira destaca que o trabalho contínuo de prevenção realizado durante os anos permitiu que esse resultado fosse alcançado. “Nossos índices de cárie são muito parecidos com países de primeiro Mundo, com desenvolvimento social. Temos muito orgulho da nossa população e do trabalho executado ao longo dos anos no Município”, enfatiza o secretário.

O Setor de Saúde Bucal está atendendo neste ano, 62 escolas de Ensino Público. As escolas que aderiram ao Programa Saúde na Escola (PSE) são examinadas pelos dentistas, além de receberem oficinas de escovação, momento de educação em saúde e aplicação de flúor duas vezes ao ano.

Fotos: Divulgação - Fonte: Divulgação