×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoCucina NBModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetFotosViagensTecnologiaVídeos

Bento Gonçalves registra o seu 16º assassinato do ano

Jéferson Reginaldo da Silva, conhecido como Kike Jé, foi morto a tiros no Loteamento Bertolini

16/05/2016 09:26

Foi confirmada na madrugada deste sábado, 14, o 16º assassinato em Bento Gonçalves. Jéferson Reginaldo da Silva, o Kike Jé, de 26 anos, foi morto a tiros quando chegava em sua residência no Loteamento Bertolini. Não há suspeitos da autoria do crime. Agora a cidade soma 15 homicídios e um latrocínio (roubo seguido de morte) em um espaço de 134 dias.

Segundo informações da Brigada Militar, dois homens teriam aberto um buraco na tela do condomínio, tendo acesso ao pátio do prédio. Eles ficaram de tocaia no local, aguardando quando Kike chegasse em sua residência. Assim que ele estacionou seu carro no prédio, foi surpreendido pelos dois homens, que efetuaram vários disparos de arma de fogo em sua direção. Kike morreu ainda no local.

Uma equipe de socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) compareceu no local do crime e confirmou o óbito. A Brigada Militar isolou o local, até a chegada da Polícia Civil que acionou o Instituto Geral de Perícia (IGP) para identificação da vítima de homicídio.

Jeferson da Silva, o Kike, já tem várias passagens pela polícia por ter cometido diversos crimes. Entre eles, ele era acusado de ser o autor da morte do jovem Diego Rosa de Oliveira, de 23 anos, ocorrida em 9 de março de 2014, no bairro Planalto. Após este crime, Kike tinha sido alvo de duas emboscadas, onde seu carro foi alvejado com vários tiros. Porém, nas duas ocasiões, ele não tinha sido atingido.

Fotos: Marcelo Dargelio - Fonte: Divulgação