×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoCucina NBModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetFotosViagensTecnologiaVídeos

Detento é preso cometendo furto e é solto logo depois

Indivíduo de 36 anos estava em prisão domiciliar, arrombou e furtou objetos de um veículo. Como não houve testemunhas do fato, foi feito apenas o registro de ocorrência.

11/03/2019 11:48

Mais uma ação da Brigada Militar em Bento Gonçalves termina com o chamado prende e solta, que tanto indigna a população. Um detento de 36 anos, que cumpria prisão domiciliar, foi preso pelos policiais após ter furtado objetos em um automóvel na manhã desta segunda-feira, 11. Porém, não houve lavratura de flagrante e o preso saiu pela porta da delegacia tranquilamente, como se nada tivesse acontecido.

De acordo com a Brigada Militar, por volta das 8h45min, o Centro Integrado de Operações (CIOP)) foi informado via 190 de que um homem teria arrombado o porta malas de um veículo que estava estacionado na Rua José Mario Mônaco. Ele teria entrado no interior do automóvel e fugido carregando uma mochila em direção à Rua Assis Brasil.

Uma viatura do Núcleo de Policiamento Comunitário (POCOM) prontamente realizou as buscas pelo indivíduo através das características repassadas e no sentido em que fugiu. O homem foi localizado e abordado pelos policiais ainda na Rua Assis Brasil, nas proximidades do presídio. Ele foi identificado como sendo Laerti Cesar Marchetto, de 36 anos, conhecido pelo apelido de “Italianinho” e com diversos antecedentes criminais. Ao ser consultado no sistema policial foi constatado que ele estava em prisão domiciliar desde 19 de Fevereiro deste ano e deveria estar em casa naquele momento. 

No interior da mochila foram encontrados um rádio automotivo e uma pochete de perna, além de uma chave de fenda. Marchetto recebeu voz de prisão em flagrante e foi conduzido até a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) para o registro de ocorrência policial. Porém, como a testemunha que ligou para a Brigada Militar não foi localizada e também o proprietário do automóvel furtado, foi feito apenas o registro de ocorrência policial e Marchetto foi liberado.

Italianinho, como é conhecido no mundo do crime, é um ladrão contumaz, que comete seguidos furtos na cidade e, dependendo da situação, pode ser perigoso.  Entre seus vários crimes cometidos estão latrocínio (roubo seguido de morte), roubo a taxista, roubo a estabelecimento comercial, porte ilegal de arma de fogo, receptação, falsa identidade, tráfico de drogas e dezenas de furtos.


Fotos: Divulgação - Fonte: Divulgação