×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoCucina NBModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetFotosViagensTecnologiaVídeos

Scanner corporal deve evitar entrada de objetos ilegais no novo presídio

Casa penitenciária na Linha Palmeiro será inaugurada nesta quinta-feira, 3 de outubro, a partir das 10h, com capacidade para receber 420 detentos.

02/10/2019 11:31

A nova Penitenciária Estadual de Bento Gonçalves será oficialmente entregue à comunidade nesta quinta-feira, 3 de outubro, pelo governador Eduardo Leite, pelo secretário da Administração Penitenciária, Cesar Faccioli, e pelo superintendente da Susepe, César da Veiga. Ao todo, são 420 vagas, que serão preenchidas na sua maioria pelos atuais ocupantes do Presídio de Bento, que fica no centro da cidade.

Segundo a Susepe, a partir da desocupação dos detentos do regime fechado, o presídio da área central será desativado gradativamente. Porém, até o momento, não foi dada uma data oficial para o fechamento definitivo da casa de detenção na área central.

Construída em uma área de 5,6 mil metros quadrados, a nova casa prisional contará com ambulatório, cozinha, área de isolamento, módulo para revista, refeitório, casa de bombas, oficina de trabalho, sala psicossocial, lavanderia e área administrativa, além de espaços reservados à Educação e ao trabalho prisional. Além disso, a casa de detenção passa a contar com o scanner corporal, que, entre outras coisas, irá evitar a entrada de objetos ilegais na casa de detenção. O equipamento também irá evitar que os visitantes tenham que se despir antes de entrarem no presídio e serem submetidos a vexatória revista íntima. 

A estrutura foi erguida em monoblocos de concreto de alta resistência, adotando a mesma técnica utilizada na construção do complexo prisional de Canoas (Pecan), na Penitenciária Estadual de Porto Alegre (PPOA) e na nova penitenciária de Sapucaia do Sul, que deverá ser entregue até o final deste ano. A Penitenciária conta com um sistema que permite que os agentes penitenciários possam monitorar, de um pavimento superior, a rotina das galerias, evitando o contato direto com os apenados.


O investimento total foi de quase R$ 31 milhões, através de permuta com a construtora pelo prédio que abriga a Superintendência do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (DAER) de Bento Gonçalves. A alternativa de permuta foi apresentada pela Prefeitura de Bento Gonçalves ao Governo do Estado, sendo esta a primeira obra realizada nestes moldes no Rio Grande do Sul.

Fotos: Susepe/Divulgação - Fonte: Notícias de Bento