×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoComer e BeberModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetRegiãoViagensTecnologiaVídeosEmpresas e EntidadesBairrosCultura

Alimentos que o cachorro não deve comer

O organismo dos cães funciona de forma diferente do humano e por isso alguns alimentos são muito prejudiciais.

08/04/2020 10:57

A cara de "pidão" já é velha conhecida dos donos de cachorro , o problema é quando muitos deles não aguentam e acabam dando um pedaço do que estão comendo para o animal. A relação dos cães com a comida é bem diferente da que os humanos têm. Muitos alimentos que são bem tolerados pelo organismo humano podem promover um verdadeiro estrago no corpo dos cachorros.

Diarreia, pancreatite, náusea e obesidade são apenas alguns problemas de saúde que os animais de estimação podem desenvolver por consequência de uma má alimentação. Para se ter uma ideia de como a situação é preocupante, uma  pesquisa da Mars Petcare aponta que 59% dos cães e 52% dos gatos no mundo sofrem com o sobrepeso .

Para evitar que seu cachorro desenvolva problemas de saúde, profissionais da veterinária listam alguns alimentos que ele não deve ingerir nunca. Confira. 

Alimentos gordurosos

Frituras e gorduras, quando ingeridas pelo cachorro, podem causar pancreatite, uma séria infecção do pâncreas. Por isso, quando o dono estiver comendo batata frita, salgadinho, frango frito e qualquer outro alimento do tipo, não deve oferecê-lo o animal. 

Caso o cachorro esteja pedindo muito por um pedaço, ofereça a ração dele ou opções mais seguras. Assim, o dono estará prezando pelo bem-estar do seu pet".

Chocolate

Apesar de ser muito gostoso, o chocolate contém uma substância tóxica para os cães. Dependendo da quantidade ingerida pelo cachorro, ele pode sofrer com intoxicação e apresente quadros de vômito, tremores, taquicardia, febre e, em casos mais graves, ataques convulsivos. Outros doces também não são indicados. 

Massa

Bolos, pães, macarrão, pizza e qualquer outro alimento que tenha fermento entre os ingredientes deve passar longe da boca dos cães. O fermento que têm nas massas para fazê-las crescer pode expandir no estômago do animal e fazer com que ele sofra com gases e cólicas. A coisa pode se tornar ainda mais séria quando o cão tem uma ruptura intestinal.

Abacate

O abacate é um alimento visto como muito saudável para os humanos, mas para os cães é altamente perigoso. A persina, substância encontrada no fruto, pode causar problemas intestinais, diarreias e vômitos. 

Café

Ingerida em grande quantidade, a cafeína torna-se perigosa até para o organismo humano, quando se trata de um cachorro pequenas porções são prejudiciais. O café atua diretamente no sistema nervoso do animal, o que é um grande perigo. Pode gerar desde hiperatividade até tremores no corpo.

A cara de "pidão" sabe convencer mas, o melhor para o seu pet é evitar assim garantimos sua saúde.



Fotos: NB - Fonte: canaldopet